Quarta, 19 de Janeiro de 2022 07:03
(11) 5090-2240
20°

Alguma nebulosidade

São Paulo - SP

Dólar com.

R$ 5,57

Euro

R$ 6,31

Peso Arg.

R$ 0,05

Notícias Discurso desconexo

iFood realiza fórum com youtubers, sem o MPT e representantes legítimos da categoria

Assuntos delicados como aumento de tarifa, fim de bloqueios indevidos e outras reivindicações, foram discutidos em evento vazio de autoridades públicas e sindicatos

16/12/2021 10h36
Por: Redação Fonte: Jornal A Voz do Motoboy
Jornal A Voz do Motoboy
Jornal A Voz do Motoboy

No fim da primeira quinzena de dezembro, o iFood realizou o 1º Fórum de Entregadores do Brasil com formadores de opinião que não vivem a situação real e diária dos entregadores do setor delivery que a empresa mantém em seus cadastros, tanto em modelo Nuvem e Operador Logístico, quanto nos modais motocicleta e bike.

Os trabalhadores que deveriam ter o espaço merecido no evento e, que de fato realizam as entregas nas ruas colocando suas vidas em risco, têm reclamado inclusive realizado protestos e greves, que até aqui e de forma prática, a empresa não deu respostas concretas que minimizem a precarização que promovem no setor de motofrete.

A situação de trabalho desses profissionais continua caracterizada como semi-escravidão, segundo o Ministério Público do Trabalho (MPT) tem argumentado em ações civis públicas movidas contra o iFood e outras empresas de apps que monopolizam e exploram o setor. Aliás, elas são alvo de CPI dos Apps criada pelos vereadores de SP.

No fórum realizado pelo iFood, os participantes convidados apenas apresentaram reivindicações dos entregadores que já chegaram ao Ministério Público do Trabalho e Ministério do Trabalho e Previdência em denúncias do SindimotoSP e Febramoto. Vale ressaltar que todas estas instituições citadas no parágrafo anterior não foram chamadas para o evento, o que comprometeu a legitimidade dele.

Além disso, num evento que durou 3 dias, o iFood não trouxe propostas concretas para aumentar a tarifa de entrega,  efetivar taxa de espera no restaurante, não bloquear mais indevidamente e sem explicações plausíveis para o trabalhador, entre outras demandas importantes para que o trabalhador exerça com dignidade a profissão.

No entendimento do SindimotoSP e da Febramoto, o fórum foi para inglês ver, fazer média. "Se as empresas de aplicativos não cumprem sentenças do MPT e recorrem, como cumprirão acordos em cartas de compromisso se negam os direitos do trabalhador exigidos em instituições que defendem o trabalhador?" questiona Gilberto Almeida dos Santos, presidente do sindicato e federação dos motoboys, que complementa; "somente no Poder Judiciário essas empresas cumprirão regras e direitos trabalhistas", finaliza. 

LEIA TAMBÉM Trabalhadores de apps agora têm cartilha e HQ do MPT que explicam direitos trabalhistas

FIQUE INFORMADO SOBRE TUDO QUE ACONTECE NO SETOR DO MOTOFRETE LENDO 

CLIQUE AQUI

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
São Paulo - SP
Atualizado às 07h03 - Fonte: Climatempo
20°
Alguma nebulosidade

Mín. 20° Máx. 32°

20° Sensação
4 km/h Vento
83% Umidade do ar
90% (8mm) Chance de chuva
Amanhã (20/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 31°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Sexta (21/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 20° Máx. 30°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.